Águas de Cascais admite erro em 500 facturas apresentadas aos consumidores

Águas de Cascais admite erro em 500 facturas apresentadas aos consumidores

A empresa Águas de Cascais revelou ter detetado 500 situações de faturas emitidas com erro nos últimos seis meses, assegurando que os casos identificados estão já a ser corrigidos e serão feitos acertos para não penalizar as famílias.

Depois de várias queixas e pedidos de esclarecimentos de clientes sobre valores elevados na fatura da água, a empresa Águas de Cascais esclareceu hoje a agência Lusa que foram detetadas 500 situações de erros.

"Foi efetivamente detetada no nosso Sistema de Gestão de Clientes, a emissão de faturas com estimativa elevada em alguns contratos sem registo de uma leitura feita pela empresa há, pelo menos, seis meses", refere as Águas de Cascais em comunicado.

Questionada pela Lusa, fonte da empresa assegurou que as situações identificadas, cerca de 500, "estão a ser corrigidas sem prejuízo para o cliente, disponibilizando-se a Águas de Cascais, para a realização extraordinária de leitura do contador, a marcar pelo cliente num horário da sua conveniência".

A empresa assegura que, depois de efetuadas essas leituras, haverá condições de fazer as retificações e acertos necessários do valor das faturas.