Agitação marítima, frio e vento forte no início da semana

Agitação marítima, frio e vento forte no início da semana
O início de semana vai ser marcado pela agitação marítima e vento forte, precipitação e, a partir de terça-feira, uma descida da temperatura mínima entre 4 a 7 graus, adiantou a meteorologista Maria João Frada.
 
Em declarações à agência Lusa, a meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) disse que para hoje está prevista agitação marítima e vento forte, com 'Aviso Vermelho' emitido para os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Coimbra, Leiria e Lisboa.
 
"Para hoje, o dado mais significativo é ainda a agitação marítima na costa ocidental, sobretudo a norte do Cabo Raso, onde temos tido ondas de noroeste com 6 a 8 metros. Gradualmente, a partir da tarde, vamos ter uma diminuição da altura (das ondas) significativa e, portanto, chegaremos ao fim do dia com ondas com 4 a 5 metros em toda a costa ocidental", disse.
 
De acordo com a especialista, a sul do Cabo Raso o cenário é menos grave, com ondas de noroeste com 5 a 6 metros, devendo melhorar até ao final do dia.
 
"Relativamente ao vento, sobretudo no litoral na faixa costeira ocidental as rajadas vão atingir os 90 quilómetros por hora, mantendo-se até ao meio da tarde de hoje. Gradualmente para o final do dia o vento vai diminuir de intensidade", salientou.
 
No que diz respeito à precipitação, segundo Maria João Frada, à semelhança do dia de domingo, vão ocorrer aguaceiros fracos e menos frequentes, em especial nas regiões do litoral.
 
"Não é chuva contínua, é precipitação intermitente, serão mais fracos menos frequentes e em especial nas regiões do litoral. Nas regiões do interior, os locais onde caírem serão de neve acima dos 600/800 metros de altitude durante a noite. Durante a manhã, a neve ficará confinada aos 1200 metros", contou.
 
Quanto a terça-feira, Maria João Frada adiantou que haverá uma mudança radical, prevendo-se céu pouco nublado ou limpo e vento fraco.
 
"Contido, vamos ter um acentuado arrefecimento noturno e uma descida da temperatura mínima de 4 a 7 graus Celsius. Haverá formação de gelo e geada nas regiões do interior, mas com a decida mínima junto ao litoral", disse.
 
De acordo com a meteorologista, na terça-feira e na generalidade do território estão previstas temperaturas mínimas inferiores a 4/5 graus.
 
"Nas regiões do interior vão ser negativas devendo variar entre os -08 nas Penhas Douradas e os -3 no nordeste transmontano e Beira Alta", disse.
 
As temperaturas máximas não vão sofrer alterações, variando no litoral entre os 12 e os 14 graus e no interior entre os 08 e os 10/11 graus, com exceção da Serra da Estrela com 05/06 graus.
 
Segundo o especialista, na quarta-feira, se as previsões se verificarem, vai ocorrer uma aproximação de uma passagem de um sistema frontal rápido que poderá trazer precipitação.
 
"Na quinta, o mais provável será a ocorrência de aguaceiros, granizo e aumento da intensidade do vento", concluiu.