Agência do ambiente anuncia reposição de areia em sete praias da Caparica

Agência do ambiente anuncia reposição de areia em sete praias da Caparica

A Associação Portuguesa do Ambiente (APA) anunciou hoje que irá levar a cabo, antes do verão, o enchimento artificial de areia de sete praias da Costa da Caparica, Almada, intervenções orçadas em mais de seis milhões de euros.

O presidente da APA, Nuno Lacasta, justificou a necessidade das intervenções com o “ano excecional”, no que respeita a tempestades na orla costeira, que exigiram um “acompanhamento e gestão excecional”.

As praias que serão intervencionadas são as da Nova Praia-Saúde, Praia Nova, Dragão Vermelho, Tarquínio-Paraíso, CDS, Santo António e São João da Caparica.

Nuno Lacasta lembrou que uma das consequências dos consecutivos temporais que se abateram também sobre a zona da Costa da Caparica, com especial incidência nos meses de janeiro e fevereiro, foi a redução significativa da areia das praias.

O presidente da APA adiantou que ao abrigo do Programa Operacional Valorização do Território (POVT) foram abertos concursos públicos para a execução das obras de alimentação artificial de praias, no valor de mais de seis milhões de euros.

A alimentação artificial não deverá causar grandes perturbações, uma vez que irá ocorrer de forma faseada.

“O plano de intervenções será implementado de forma faseada em todas as praias não ultrapassando, em regra, mais de uma semana em cada praia, com exceção da praia de São João”, esclareceu.

A calendarização das intervenções ainda não é conhecida, uma vez que está dependente da conclusão dos concursos públicos abertos pela APA.

Contudo, o presidente da APA perspetivou que, se “tudo correr dentro do esperado, as primeiras intervenções de reposição de areia poderão ocorrer no início do mês de junho.