A voz, o fado e a moda

A voz, o fado e a moda

Nesta última semana de Novembro, o Museu do Fado, no coração da Mouraria, assim como o MUDE, na Rua Augusta, junto ao Terreiro do Paço, abriram a grandiosa exposição “Com esta Voz me visto  - O Fado e a Moda”. A mostra propõe uma viagem em torno das imagens que vestiram o fado e que ao longo dos séculos XX e XXI construíram e recriaram a sua identidade. Aqui, cada traje de cena remete para um tempo e um contexto singulares. Evoca inevitavelmente uma voz ausente. Convoca-nos para uma dimensão imaterial, intangível, incorpórea, para um património necessariamente fugaz, irrepetível, que dificilmente se materializa noutro testemunho que não o da memória individual. E simultaneamente, desvenda fragmentos de um outro diálogo, sempre renovado e redescoberto, entre o Fado e a Moda - a Voz e a sua Imagem - através do qual podemos, também, redescobrir muito do nosso olhar sobre nós próprios.

“Com esta voz me visto – O Fado e a Moda”, apresenta-nos vestidos, jóias e xailes dos mais célebres fadistas entre os quais Mariza, Ana Moura, Camané, Maria da Fé, Cristina Branco, Mísia ou Amália Rodrigues e merece uma visita bem de perto.

MUDE (Rua Augusta) e Museu do Fado (Mouraria), até Março de 2013, de terça-feira a domingo,das 10 às 18 horas.