A importância da esperança

16-01-2013 15:17

Tudo o que se passa à nossa volta, as experiências por que passamos e pelas quais vemos os outros passar, pessoalmente ou nos meios de comunicação, influenciam a nossa visão do mundo e o nosso estado emocional e psicológico.
E, a nível psicológico, uma das nossas capacidades mais importantes e protectoras é a de sentir esperança, de imaginar que o futuro possa ser melhor, e que sejamos capazes de navegar nos dias difíceis para poder chegar a desfrutar dos dias melhores que se seguirão.
Isto não é um optimismo tonto e infundado, não se trata de ignorar ou desvalorizar as dificuldades muito reais e concretas, mas antes de compreender que podemos escolher: ver o copo “meio cheio”, olhando para o que temos – as nossas capacidades, as pessoas que nos rodeiam e apoiam, o carácter temporário das situações –, o que nos ajuda a seguir em frente e suportar as dificuldades ou, como “meio vazio”, focando a nossa atenção apenas nos problemas ou no que nos falta, o que contribui para gerar ansiedade, desespero e, no limite, pode facilitar o surgimento de estados depressivos.
Nas palavras de Henry Miller “Todos os momentos são dourados para aqueles que têm a visão de os reconhecer como tal.” Isto não quer dizer que todos os momentos são bons, mas que todos trazem em si um potencial de aprendizagem, de auto-aperfeiçoamento, de compreensão de si e do mundo que deve ser valorizado, mesmo quando resultam de momentos dolorosos. Quer dizer que, nem só os momentos felizes têm valor e que depende de nós a forma como escolhemos encarar uns e outros.
Muitas vezes, só quando somos levados ao limite descobrimos em nós capacidades de resistência, de criatividade, de solidariedade até, que não sabíamos possíveis, porque nunca tínhamos precisado delas. Por isso tenha esperança, não desista, apoie-se nas pessoas que lhe são próximas e contribuamos todos para que, apesar das dificuldades, no que estiver ao nosso alcance, 2013 seja o melhor ano que pode ser!
Ana Paula Reis – Psicóloga Clínica (Directora do NUPE)
Tânia Dinis – Psicóloga Clínica do NUPE

Av. Aida, 25, 1.º andar, Apart. 42
2765-187 ESTORIL
Tel.: 21 467 10 97
Telem.: 96 500 89 29
E-mail: geral@nupe.pt
http://www.nupe.pt